Tempo de leitura: 3 minutos.

O Ibovespa encerrou a sessão de quinta-feira (1º) em queda de 0,90%, atingindo 125.666 pontos, o patamar de fechamento mais baixo desde a última semana de maio. Este movimento descolou das principais bolsas internacionais. Enquanto isso, a cotação do dólar subiu 1,59%, a R$ 5,05, o nível mais elevado dos últimos quinze dias.

As taxas futuras de juros avançaram na sessão da quinta-feira, exibindo aumento na inclinação da curva. DI jan/22 fechou em 5,71%; DI jan/24 foi para 7,805%; DI jan/26 encerrou em 8,38%; e DI jan/28 fechou em 8,73%.

Segundo analistas da XP, “ruídos no cenário político local, com destaque às denúncias de corrupção na compra de vacinas contra a Covid-19, parecem ter pesado sobre todos esses ativos financeiros”.

Leia as principais notícias do semestre

Internacional

Em reunião organizada pela  OCDE (Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico), 130 países chegaram a um acordo de tributação sobre multinacionais, que inclui um imposto mínimo sobre os lucros das empresas de “pelo menos 15%”.

Apesar de ser um grande avanço para a proposta defendida pelo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e que também foi assinada pelo Brasil, ainda há obstáculos pela frente. Entre os principais desafios enfrentados pela proposta, a XP destaca a resistência de três países membros da União Europeia – Irlanda, Hungria e Estônia – cujo apoio é requerido para que o bloco possa aderir à iniciativa. Segundo lideranças que apoiam o projeto, negociações devem seguir até outubro para tentar obter apoio das nove nações que não assinaram a iniciativa.

No lado econômico, analistas esperam que o Departamento de Trabalho dos Estados Unidos anuncie nesta sexta-feira (2) que a economia americana gerou 805 mil novos empregos em junho, em termos líquidos. Os números podem dar aos mercados uma noção de quão perto o Federal Reserve está de reduzir a acomodação da política monetária. A variante Delta do coronavírus, de rápida propagação, continua a ser uma preocupação para a Europa.

Do lado positivo, a Johnson & Johnson disse que sua vacina é eficaz para neutralizar a variante. Os preços do petróleo subiram acima de 75 dólares o barril, à medida que a OPEP e produtores aliados protelaram a decisão sobre como responder ao aumento da demanda global.

Brasil

Os mercados ainda digerem a proposta do governo federal de reforma do Imposto de Renda. O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que a equipe econômica está revisando cálculos e sinalizou que o governo está aberto para discutir os detalhes da proposta no Congresso. O ministro disse ainda que a redução no Imposto de Renda da Pessoa Jurídica pode passar dos 5 p.p. (pontos percentuais) previstos na proposta para 10 p.p., caso haja fim de alguns subsídios.

No campo político doméstico, o governo encerra a semana ainda em meio às investigações da CPI da Pandemia sobre as suspeitas nas negociações para a compra de vacinas. A tendência é que, com novos depoimentos marcados para a semana que vem, o período turbulento se arraste. Há receio no Ministério da Economia, reportado pelo noticiário, de que o ambiente prejudique o avanço da agenda econômica no Congresso. Além disso, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, falou sobre a pauta de votação prevista para o restante do semestre. Ele disse que os deputados tentarão votar o projeto dos “supersalários” – condicionante para avanço da reforma administrativa – antes de 17 de julho, e que vê chances de votação da reforma tributária, embora não tenha fixado data.  

Agenda do dia: Destaque para a publicação dos resultados da produção industrial em maio.

**Com informações da XP Investimentos

Leia mais sobre investimentos e mercado financeiro no Blog da Ethimos

Deixe um comentário