Educação Financeira

Primeiros passos para conquistar sua liberdade financeira

Dentre as diversas coisas que o dinheiro pode proporcionar, a liberdade financeira é a mais importante. 

A Liberdade Financeira te dá o poder de escolha. Você pode sair de um trabalho que não te agrada, mudar de casa, cidade. Ela possibilita a escolha entre o que você quer fazer ou não.

Além disso, você poderá aproveitar os benefícios decorrentes, como o aumento da tranquilidade, momentos de lazer e bem-estar. 

Se você quer ser livre financeiramente, continue lendo este artigo.

Afinal, o que é liberdade financeira?

É poder escolher fazer o que deseja com mais tranquilidade, como ir ao cinema ou viajar, sem que nenhuma das opções prejudique suas finanças.

Sua renda será suficiente para cobrir os seus gastos e ainda fazer investimentos

Portanto, no estágio de liberdade, as preocupações financeiras perdem a relevância em muitas situações, pois você tem patrimônio acumulado para fazer escolhas pessoais sem colocar o dinheiro em primeiro lugar. 

Em outras palavras, mesmo que você ainda tenha que trabalhar para alcançar a independência financeira, você tem a opção de não ir ao trabalho ou trocar de área. 

Liberdade financeira ou Independência

Muitas pessoas confundem esses termos, ainda que eles sejam bem diferentes. Veja a seguir: 

Em primeiro lugar, a Independência Financeira é quando uma pessoa acumula uma determinada quantia de patrimônio suficiente para que ela viva de renda, ou seja, o valor é suficiente para suprir as necessidades sem depender de nenhuma outra fonte de renda. 

Já a Liberdade Financeira é a autonomia alcançada no campo das finanças. Você pode tomar decisões financeiras com mais tranquilidade, como mudar de país, comprar uma casa ou um carro. 

DESCUBRA AGORA QUANTO FALTA PARA SUA LIBERDADE FINANCEIRA

Etapas da liberdade financeira

A príncipio, o percurso para a liberdade financeira envolve algumas etapas mas, inicialmente, é preciso que você entenda que o caminho está ligado diretamente com o seu perfil investidor.

1° Primeira independência. Este nível é quando você tem sua primeira renda própria, como um estágio ou trabalho de meio período.

2° Independência financeira. Você passa a financiar sua vida completamente sozinho e só depende do seu empregador. 

3° Segurança financeira. Significa que você já acumulou reservas que lhe permitirão continuar a ter uma vida sólida caso não possa mais trabalhar.

4° Primeira liberdade financeira. Finalmente, a primeira liberdade financeira é quando você investiu suas reservas de forma sensata ao longo de vários anos e as aumentou.

5° Liberdade financeira. Você pode financiar seu sustento completamente a partir de seus ativos existentes, porém, você ainda tem despesas.

Não existe uma fórmula mágica para alcançar a liberdade financeira, porém, com algumas estratégias você conseguirá alcançar a tão sonhada liberdade financeira. Confira:

Dicas para viver de renda

Entenda seus gastos

Suas contas estão em dia e você consegue fazer o dinheiro sobrar no fim do mês? Se as respostas para essas perguntas forem sim, você está no caminho certo. 

Porém, se as respostas forem não, fique tranquilo. Você só precisa organizar a sua vida financeira e essa não é uma tarefa complicada.

O primeiro passo é saber o quanto você ganha e o quanto pode gastar. Para descobrir isso, liste tudo em uma planilha.

Faça um planejamento financeiro

Um planejamento financeiro será seu grande aliado na missão de conquistar o sucesso financeiro. Para isso, coloque seus sonhos e metas a curto e longo prazo em uma lista. 

Nesta etapa é muito importante colocar como que você pretende aumentar seus rendimentos, não apenas o salário, mas também os investimentos e renda extra.

Entenda seu perfil investidor

Se você pretende fazer algum investimento é importante que saiba qual o seu perfil investidor. O perfil é uma classificação que cada investidor ou pessoa que aplica seu dinheiro em um produto de investimento recebe, ligada ao risco que está disposta a assumir com suas aplicações.

Os perfis são: conservador, moderado e agressivo. 

Educação financeira

É muito importante que você se eduque financeiramente, afinal, a forma como você lida com seu dinheiro e a relação que tem com seu patrimônio é determinante para alcançar a liberdade desejada. 

Você pode ler livros, assistir vídeos, ver cursos. Assim, será possível conhecer as melhores práticas sobre finanças e saber como fazer escolhas conscientes.  

Paciência

O mais importante é ter paciência e persistência. Se as coisas começarem a não ir como o planejado, reavalie. O importante é não desistir. 

Invista com inteligência

Após descobrir o seu perfil investidor e fazer o seu planejamento financeiro, chegou a hora de investir com inteligência.

Nós recomendamos um assessor de investimentos para te ajudar a chegar no seu objetivo. Com ele, você terá uma orientação exclusiva sobre investimentos, permitindo que você tome decisões com mais segurança. 

5/5 - (123 votes)
Isabelle Miranda

Jornalista e Assessora de Imprensa

Posts recentes

Confira o IPCA hoje

Pelo quarto mês consecutivo, os economistas confirmam o que o brasileiro já sabe: comer ficou…

5 dias atrás

Como escolher sua corretora de investimentos?

Escolher uma boa corretora de investimentos para aplicar seu patrimônio é fundamental para quem quer…

5 dias atrás

Como ensinar Educação Financeira para crianças

Quando se fala sobre educação financeira no Brasil, sabemos que esse é um assunto sobre…

6 dias atrás

Confira a taxa Selic hoje

O Comitê de Política Monetária (Copom) decidiu, por unanimidade, elevar a Selic em 1 ponto…

2 semanas atrás

Taxa Selic 2022 sobe para 12,75% ao ano: veja os impactos

Alta é a terceira consecutiva em 2021. Especialista explica os impactos.

2 semanas atrás

Selic: Saiba como funciona a Taxa Básica de Juros

Saiba tudo sobre a taxa básica de juros.

2 semanas atrás